Gosto de imaginar que ilhas significam-se ― fazem-se dizer por signos ― mediante barcos que se aventuram nas águas que as separam, mas também as unem: as águas podem ser oceânicas ou simples veredas, salgadas ou doces, profundas, turbulentas e mais difíceis de navegar, ou arroios cristalinos que escorrem transparentes entre pedras e vegetação de grande frescor. Os barcos, as palavras. E tudo o mais que diz respeito à palavra afeto, no sentido de afetar, atravessar. Escrever e ler são pontas de ilhas que se fazem significar ― os trajetos dependem dos barcos, das ilhas, das águas que as separam. Este blog não pretende nada, exceto lançar barcos que eventualmente alcancem outras ilhas. Barquinhos de papel.


sábado, 1 de fevereiro de 2014

enquanto aprendo...

4 comentários:

Jamil P. disse...

aprende a surfar?? ;P

belo pôr-do-sol...

Mariana disse...

quem dera... esse esporte, kitesurf, é uma coisa linda de se ver, o céu sobre o mar, em certos pontos, parece um bailado.

meu aprender tem a ver com estar do lado de cá, certo olhar que se pratica quando se tem uma máquina fotográfica em mãos... descobri que quero aprender isso, e também a manejar a máquina nova que comprei. isso trouxe um sabor novo, inesperado, à minha percepção da fotografia.

falando do pôr do sol: é belíssimo ao vivo, um espetáculo da natureza imperdível.

Jamil P. disse...

hummm, entendi... por um momento, pensei que ia poder te chamar de menina do rio, mais ou menos como naquela música... ;)

ótimo hobby, eu também aprecio muito, como se fosse um brinquedo pra adultos; você já faz fotos bem boas, espero que com essa nova máquina faça melhores ainda, a exemplo desta! :)

Mariana disse...

Ô, Ô... se me lembro da música, era bem aquela coisa de juventude dourada anos 80. Quando estudei os anos 20 do Sérgio Buarque, lembro-me de ter lido alguma coisa a respeito da jeunesse dorée de então, mas acho que era outra coisa. Na música, há descompromisso e leveza :)

também espero, agora vou mesmo me dedicar a aprender a técnica, ler o manual da máquina, coisa que nunca faço. é uma reflexa básica, dá, como você disse, para brincar bastante. minha ideia é abrir uma página na net voltada só para fotografia, para postar as fotos mais bacanas, mas vou devagar com isso. tirei algumas fotos lindas ontem, mas ainda não consegui trabalhá-las aqui no PC, no sentido de enquadramento, essas coisas. demanda tempo e paciência :)